• portugues
  • espanhol
  • ingles
  • diminuir texto
  • aumentar texto

Visita dos Guarani da Aldeia Nimuendaju (T.I. Araribá)

O Museu Índia Vanuíre atua, cada vez mais, no sentido de se aproximar das terras indígenas da região. Esse processo ocorre tanto em parcerias realizadas com grupos pertencentes a essas terras indígenas (com ações no Museu e ações nas T.I.s), bem como nas questões da museologia indígena que está sendo desenvolvida dentro dessas comunidades nos últimos tempos.  Pensando nisso, a instituição convidou um grupo Guarani da Aldeia Nimuendaju (T.I. Araribá, Avaí/SP) para conhecer uma coleção que o Museu recebeu no final de 2017.

A coleção, que foi doada pelo Centro de Trabalho Indigenista (CTI – São Paulo), é composta por 185 artefatos indígenas, em sua maioria Guarani, o que representa a forte presença desse povo no Estado de São Paulo. No dia 24 de agosto, um grupo de professores Guarani da Escola Estadual Aldeia Nimuendaju visitou o Museu Índia Vanuíre para conhecer o acervo. A ação teve como objetivo apresentar os materiais para o grupo, que tem interesse em desenvolver processos museológicos dentro de sua aldeia.

A visita durou meio período e eles puderam manusear as peças e identificar detalhes. Essa coleção já passou por uma identificação durante o processo de entrada no Museu Índia Vanuíre, tendo a participação de uma representante do CTI – São Paulo e uma família Guarani da T.I. Taquari (Eldorado/SP). No entanto, novas informações sempre são relevantes quando se trata de acervos museológicos e a visita trouxe novos dados, já que alguns deles conheciam determinados materiais ou usos dos artefatos.

O povo Guarani da Aldeia Nimuendaju está em processo de implantação de seu museu (Museu Nhandé Manduá Rupá) e entrar em contato com artefatos do seu próprio povo, conhecendo os processos de entrada, conservação, higienização, documentação e pesquisa, auxilia no fortalecimento de seus processos museológicos e, consequentemente, sua autorrepresentação na sociedade.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*